Busca no site:

Estudantes concluem exames de avaliação nesta quinta-feira

Termina nesta quinta-feira, 21 a aplicação das provas do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb). Desde 11 de novembro, cerca de 7,6 milhões de estudantes do ensino fundamental e médio de todas as unidades da Federação participam das avaliações.

Sob a responsabilidade do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais, o Saeb é composto por três aferições externas em larga escala. A Avaliação Nacional da Educação Básica (Aneb) e a Avaliação Nacional do Rendimento Escolar (Anresc), também conhecida como Prova Brasil, são realizadas a cada dois anos. Já a Avaliação Nacional de Alfabetização (Ana), aplicada pela primeira vez, será realizada anualmente. Os resultados oferecem subsídios para formulação, reformulação e monitoramento das políticas públicas de educação básica.

Nas três provas são avaliados conhecimentos nas áreas de português e matemática. Este ano, também ocorre a aplicação, em caráter experimental, a uma amostra de 84,7 mil estudantes, de provas de ciências para validar as matrizes da área no Saeb. Do total de alunos que participam, 56,7 mil estão em turmas do nono ano do ensino fundamental e fazem o exame como parte da Prova Brasil. Outros 28 mil estão no terceiro ano do ensino médio e fazem a prova como parte da Aneb.

Na Aneb e na Prova Brasil, estudantes, professores, diretores e aplicadores respondem a questionários contextuais, que servem como instrumento de coleta de informações sobre aspectos da vida escolar, do nível socioeconômico e cultural, formação profissional, práticas pedagógicas e formas de gestão, dentre outros. Na Ana, os questionários contextuais são respondidos apenas por professores e gestores.

Assessoria de Comunicação Social do Inep

Fonte: MEC


Criado em: 21 nov 2013 | Tags: ,
Categoria: Notícias |

Gestores terão acesso aos resultados da Prova Brasil 2011 na segunda-feira (04/06)

Brasília – Os resultados preliminares do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) referentes à Prova Brasil 2011 estarão disponíveis na internet (site http://portal.inep.gov.br) na segunda-feira (4). Diretores escolares e secretários de educação de estados e municípios poderão conhecer o desempenho das escolas e das redes de ensino apenas acessando o sistema de divulgação online ou por meio do login e senha do Educacenso.

De acordo com a portaria do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) publicada no Diário Oficial da União de hoje (1º), os gestores escolares terão até 13 de junho para pedir ao Inep eventuais correções nas médias de desempenho. A partir dessa data, os dados estarão disponíveis a toda a sociedade. No caso da Prova Brasil, aplicada a estudantes de 5º e 9º anos, ainda pode ser observado o desempenho específico das escolas públicas urbanas do país.

O recurso a ser interposto por gestores ao Inep deve ocorrer por meio de ofício assinado pelo diretor da escola ou secretário municipal ou estadual de educação com as justificativas que fundamentem a solicitação de correção. Os ofícios deverão ser digitalizados, anexados e enviados por meio de formulário eletrônico no endereço http://portal.inep.gov.br/institucional-faleconosco. Só serão aceitos recursos encaminhados por meio eletrônico.

A Prova Brasil e o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) – promovidos pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) – servem para avaliar o sistema educacional brasileiro, a partir de testes padronizados e questionários socioeconômicos.

Professores e diretores das turmas e escolas avaliadas também respondem a questionários que coletam dados demográficos, profissionais e de condições de trabalho. A partir das informações do Saeb e da Prova Brasil, o Ministério da Educação e as secretarias estaduais e municipais de Educação podem definir ações voltadas ao aprimoramento da qualidade da educação no país e a redução das desigualdades.

As médias de desempenho nessas avaliações também subsidiam o cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Fonte: Agência Brasil de Notícias


Criado em: 04 jun 2012 | Tags: , ,
Categoria: Notícias |

Audiência discute projeto que torna obrigatória divulgação do Ideb

A Comissão de Educação e Cultura realiza audiência pública hoje sobre o Projeto de Lei 1530/11, que obriga as escolas de ensino básico a divulgar seu Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Criado em 2007, o Ideb possui uma escala de zero a dez. Sintetiza dois conceitos sobre a qualidade da educação: aprovação e média de desempenho dos estudantes em língua portuguesa e matemática. O indicador é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos no Censo Escolar, e médias de desempenho nas avaliações do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), o Saeb (Sistema de Avaliação da Educação Básica) e a Prova Brasil.

Foram convidados para a audiência:
-o diretor de Estatísticas Educacionais do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Carlos Eduardo Moreno;
- o diretor de Avaliação Básica do Inep, Alexandre André dos Santos;
- a subsecretária de Ensino da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro, Helena Bomeny;
- a secretária-geral da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Marta Vanelli;
- a presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), Cleuza Rodrigues Repulho;
- o secretário de Educação do Pará, Claudio Cavalcanti Ribeiro, representante do Conselho Nacional de Secretários da Educação (Consed); e
- o especialista em educação Gustavo Ioschpe.

A audiência está marcada para as 10 horas no Plenário 10.

Fonte: Agência Câmara de Notícias


Criado em: 10 mai 2012 | Tags: ,
Categoria: Notícias |