Busca no site:

Spaece: Começam provas para alunos do 2º, 5º e 9º anos do Ensino Fundamental

Começa nesta segunda-feira, dia 3, e prossegue até o próximo dia 7, a aplicação do Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica (Spaece) 2012 para estudantes do 2º, 5º e 9º anos do Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos – 2º segmento. A avaliação tem como finalidade diagnosticar a qualidade da educação pública cearense e subsidiar a implementação de ações de intervenção e monitoramento com foco na melhoria do ensino ofertado. Entre os dias 19 e 22 de novembro passado, os alunos do Ensino Médio e da EJA fizeram as provas. Ao todo, serão avaliados 729.800 estudantes da rede pública.

Conforme a dirigente da Coordenadoria de Avaliação e Acompanhamento da Educação (Coave), Betânia Raquel, o Spaece tem se tornado um instrumento essencial para promover o debate público e favorecer a promoção de ações orientadas para a melhoria e a democratização do ensino, capazes de garantir a todos igualdade de oportunidades educacionais. “Por isso, é fundamental a participação dos estudantes cearenses de acordo com o cronograma de provas” – destaca.

O Sistema avalia as competências e habilidades nas áreas de Língua Portuguesa e Matemática dos estudantes. Esse ano, o Spaece trouxe novidades. Cada turma de crianças do 2º ano do ensino fundamental contará com seis modelos de cadernos de testes. Além disso, haverá duas versões desses cadernos para todos os níveis de ensino: Ampliada e Braille. No mesmo período, são aplicados questionários contextuais, investigando dados socioeconômicos e hábitos de estudo dos alunos, perfil e prática dos professores e diretores.

Para os alunos do 3º ano do Ensino Médio também houve mudanças. Os testes das duas disciplinas estão em convergência com a proposta da Matriz de Referência para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), recebendo a denominação de Testes de Linguagens e Códigos e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias. Foi incluída ainda a aplicação da prova de Redação, bem como de testes para as áreas de Ciências da Natureza (Física, Química e Biologia) e de Ciências Humanas (História, Geografia, Filosofia e Sociologia).

O Spaece foi criado há 20 anos. A partir de 2007, a atual gestão da Seduc ampliou sua abrangência, instituindo a Avaliação da Alfabetização e expandindo a Avaliação do Ensino Médio para as três séries, de forma censitária. Assim, o Spaece passou a ter três focos: Avaliação da Alfabetização – Spaece-Alfa (2º ano do EF), Avaliação do Ensino Fundamental (5º e 9º anos do EF) e Avaliação do Ensino Médio (1ª, 2ª e 3ª séries do EM).

Fonte: Seduc-CE


Criado em: 03 dez 2012 | Tags: , ,
Categoria: Notícias |

Superintendências Regionais de Ensino orientam escolas públicas para aplicação do Proeb 2012

Provas serão aplicadas no período de 26 a 30 de novembro.

Mais de 1,1 milhão de alunos do 5º e 9º ano do ensino fundamental e 3º ano do ensino médio participarão do Programa de Avaliação da Rede Pública de Educação Básica (Proeb), na última semana de novembro (26 a 30/11). Para que a aplicação dos exames transcorra sem problemas, as Superintendências Regionais de Ensino (SREs) realizam capacitações com as escolas da rede estadual. No Proeb, os alunos são avaliados nos conteúdos de Língua Portuguesa e Matemática.

Como as escolas municipais também participam das avaliações do Proeb, as capacitações regionais também se estendem ao público de educadores dessas redes. Patos de Minas, Janaúba e São Sebastião do Paraíso estão entre as Superintendências que repassam as orientações para as provas esta semana.

Capacitações pelo Estado

Na Superintendência de Patos de Minas, no Alto Paranaíba, as provas serão aplicadas nos dias 28 e 29/11 para os conteúdos de Língua Portuguesa e Matemática, respectivamente. Além de diretores de escolas e especialistas da educação das 64 escolas estaduais da jurisdição, o encontro também conta com a participação dos diretores das 77 escolas municipais, dos 14 municípios que fazem parte da Superintendência.

Para o atendimento desse público, o encontro foi organizado em quatro pólos. Nesta segunda-feira (12/11), a capacitação ocorre no município de Presidente Olegário. “Estamos orientando sobre os procedimentos a serem tomados antes, durante e após a aplicação das provas. É importante que os diretores façam reuniões com os professores que irão aplicar o exame”, explica uma das responsáveis pelo Sistema Mineiro de Avaliação da Educação Pública, em Patos de Minas, Vânia Váz. Na última sexta, as orientações foram repassadas aos educadores das escolas da sede. Carmo do Paranaíba e São Gotardo são os próximos pólos a receberem a capacitação.

No Norte do Estado, a Superintendência de Janaúba também vai capacitar diretores e especialistas educacionais. Apenas da rede estadual são 94 escolas, mas os gestores das redes municipais também serão capacitados para as avaliações que serão aplicadas nos dias 27 e 28/11 para os conteúdos de Língua Portuguesa e Matemática, respectivamente.

Na regional, as capacitações serão realizadas nos dias 13 e 14/11. “Neste encontro também queremos ressaltar com educadores a importância dessa avaliação, além de mobilizar toda a comunidade escolar a participar do Proeb. Estamos em um período de chuvas e em nossa regional vários alunos residem em zona rural, por isso a importância dessa mobilização”, lembra a gerente do Programa de Intervenção Pedagógica para os anos iniciais do ensino fundamental, Elisângela Gomes Medeiros.

No Sul de Minas, a Superintendência Regional de Ensino de São Sebastião do Paraíso, organizou a capacitação em pólos. Entre os dias, 12 e 14/11, o município sede e os municípios de Cássia e Guaxupé, receberão os diretores e especialistas de escolas estaduais e municipais dos 16 municípios que integram a regional. O momento de repassar algumas orientações ainda conta com a participação dos professores aplicadores e membros da comissão de acompanhamento.

“Também vamos chamar os professores aplicadores que aplicação dos exames serão responsáveis pela realização de vários procedimentos, como o controle da presença dos alunos a partir da lista de chamada. Outras orientações como o rodízio a ser feito pelos professores para a aplicação das provas serão repassadas”, informa a diretora educacional da Superintendência, Maria Olímpia Vilela de Brito. Na regional, o maio número de participantes por escola visa auxiliar os diretores no momento de repassarem as orientações paras os demais professores das escolas nas quais são gestores.

Acompanhamento das escolas

As equipes central e regionais do Programa de Intervenção pedagógica (PIP) farão o acompanhamento da aplicação das provas nas 3.762 escolas estaduais.

Fonte: Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais


Criado em: 12 nov 2012 | Tags: , ,
Categoria: Notícias |

Secretaria da Educação capacita para aplicação do SAEP

A Secretaria de Estado da Educação (SEED) promoveu, nessa segunda-feira (22), em Curitiba, o encontro de capacitação da 1ª edição do Sistema de Avaliação da Educação Básica do Paraná (Saep). Coordenadores locais dos 32 Núcleos Regionais de Educação (NRE) do estado serão os responsáveis em repassar os conteúdos adquiridos para os diretores das escolas, que, por sua vez, transmitem aos aplicadores das provas.

As provas serão aplicadas pela Secretaria no dia 22 de novembro. Alunos do 9º ano do ensino fundamental, do 3º ano do ensino médio e do ano de conclusão de curso técnico e de formação docente na modalidade integrado irão responder questões de Língua Portuguesa e de Matemática. Professores e diretores também devem responder questionários sobre práticas pedagógicas e de gestão.

A escola receberá material de orientação para interpretar os resultados e, dessa forma, cada professor poderá aperfeiçoar sua prática docente conforme a necessidade revelada pelos resultados. “A partir da análise dos resultados, será possível definir ações de intervenções voltadas para o processo de melhoria da educação”, explicou o coordenador de Planejamento e Avaliação, da Diretoria de Políticas e Programas Educacionais da SEED, Leandro Jiomeke.

Com o objetivo de diagnosticar a aprendizagem dos alunos e oferecer subsídios à prática docente, as provas do Saep serão aplicadas nas 2,1 mil escolas, atingindo aproximadamente 250 mil alunos.

Fonte: Secretaria de Estado de Educação do Paraná


Criado em: 24 out 2012 | Tags: , ,
Categoria: Notícias |

Governo de Minas divulga resultados do programa de avaliação de desempenho dos alunos da rede estadual

Série histórica demonstra tendência de elevação da proficiência média dos estudantes do 5º e do 9º ano do ensino fundamental e do 3º ano do ensino médio

Os resultados da última edição (2011) do Programa de Avaliação da Rede Pública de Educação Básica (Proeb) revelaram uma pequena redução nos índices de proficiência média em Língua Portuguesa e Matemática para os níveis avaliados. Apesar da retração, os dados da série histórica – a metodologia de avaliação do Proeb foi consolidada em Minas Gerais a partir de 2006 – demonstram tendência de elevação da proficiência dos alunos do 5º e do 9º ano do ensino fundamental e do 3º ano do ensino médio em Língua Portuguesa e Matemática.

Comparados com os resultados do Proeb 2010, houve redução dos índices de proficiência média em Língua Portuguesa e em Matemática da rede estadual para os três níveis avaliados (5º e 9º ano do ensino fundamental e 3º ano do ensino médio). O comportamento verificado na rede estadual também foi percebido nas redes municipais do Estado de Minas Gerais. Exceção para o desempenho em Matemática dos estudantes 5º ano das redes municipais. Neste caso, a proficiência média cresceu. As avaliações do Proeb foram aplicadas de 21 a 25 de novembro de 2011.

De acordo com a secretária adjunta de Educação, Maria Céres Pimenta Spínola Castro, não é possível apontar uma única causa para esse resultado. Segundo ela, “a realidade é complexa e seguramente um conjunto de fatores pode ter influenciado os resultados”. No entanto, a secretária adjunta de Educação destaca que o resultado alcançado em 2011 não altera a tendência de crescimento verificada nos últimos anos.

Se houve uma retração dos índices da proficiência média, também foram registrados avanços importantes em regiões e escolas em todo o estado. “Temos escolas, por exemplo, em que os níveis recomendados de proficiência, em Português e Matemática, no 5º ano do ensino fundamental foram alcançados por todos os alunos, como nos municípios de Centralina, Igarapé e São Sebastião do Paraíso”, destaca a secretária adjunta de Educação. “Há avanços importantes registrados também no 9º ano do ensino fundamental e no 3º ano do ensino médio”, completa Maria Céres.

Em setenta (70) escolas, a elevação dos índices no 5º ano do ensino fundamental foi superior a 25 pontos; em vinte e cinco (25) do 9º ano do ensino fundamental a elevação foi igual ou superior aos 25 pontos; e em dezenove (19) escolas do ensino médio a elevação atingiu patamares similares na comparação dos resultados de 2011 e 2010. Os 25 pontos significam um grande avanço, pois representam 5% da escala do teste, o que em outras palavras, vai de 0 a 500 pontos.

Leia a matéria na íntegra no site da Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais