Busca no site:

Paulo Paim pede valorização dos professores

Tamanho do texto: A- A A+

O senador Paulo Paim afirmou, nesta terça-feira (23), que os professores e o ensino público devem ser urgentemente valorizados e pediu aos parlamentares que aprovem medidas nesse sentido, entre elas, as que tratam da destinação dos recursos do petróleo para a educação pública; das diretrizes nacionais de carreira para os profissionais de educação básica e do Plano Nacional de Educação.

- A oferta de ensino público de qualidade, na nossa opinião, é uma das metas mais importantes que cabe ao país cumprir. A educação é o instrumento facilitador da conquista de melhores condições de vida para as pessoas e é também o grande instrumento que vai viabilizar a prática da plena cidadania – disse.

Paim lembrou a dificuldade que o país enfrenta para atrair a juventude para o magistério. Os salários baixos, a precariedade das condições de trabalho e a exposição à violência, disse ele, são fatores que fazem com que o Brasil tenha um déficit de mais de 300 mil professores em disciplinas das áreas de exatas, de Biologia, de línguas estrangeiras e artes.

- Os professores e o ensino público precisam, urgentemente, ser valorizados. Merecem ser valorizados. E nós precisamos aprovar as medidas que podem colocar isso em prática – afirmou.

O senador elogiou a realização da 14ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública promovida pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), informando que ocorrerão, no encontro, diversos debates sobre o déficit de professores.

Remuneração de vereadores

Paulo Paim parabenizou o senador Cyro Miranda (PSDB-GO) por arquivar proposta de sua autoria que acabava com a remuneração de vereadores em municípios com até 50 mil habitantes (PEC 35/2012). Ele elogiou o senador pela coragem de suscitar o debate sobre o tema e sua disposição para o diálogo com os vereadores.

Paim ressaltou que os vereadores são legítimos representantes do povo e, por isso, merecem ter o seu trabalho reconhecido.

Fonte: Agência Senado


Criado em: 24 abr 2013 | Categoria: Notícias |